Saúde

Como os exercícios de pilates ajudam no alongamento muscular e corporal?

Pilates

Hoje nós vamos entender como os exercícios de pilates ajudam no alongamento muscular e corporal. De fato, esse tem sido um estilo de vida procurado por muitas pessoas por conta do bem estar corporal e mental. Assim, através de alongamentos e exercícios, o pilates tem trazido bons resultados para muitas pessoas no mundo todo. Fique comigo até o final pra aprender tudo sobre.

Então, eu espero que você tenha uma ótima e agradável leitura! Vamos lá.

Pilates e o alongamento

Nesse sentido, você pode estar se perguntando como o pilates pode te ajudar no alongamento muscular e corporal, não é mesmo? Contudo, uma coisa que poucas pessoas sabem é que o pilates em si consiste na prática de alongamentos que podem fortalecer o nosso corpo. Então, caso você esteja buscando por algo assim, você acaba de encontrar por meio do pilates.

Sendo assim, ele é considerado uma espécie de um método de condicionamento mental e também físico. Assim, por meio de fortalecimento muscular e também de exercícios de alongamento, você tem uma série de benefícios. Como, por exemplo, o equilíbrio dos seus músculos e uma melhora significativa no alinhamento da sua postura. Tudo isso te ajuda a tratar diversas lesões.

Entretanto, costuma ser um pouco diferente de um alongamento comum. Isso porque o próprio alongamento é um exercício e não uma preparação para o exercício. Assim sendo, o pilates envolve movimento, mobilidade, controle, força, respiração e muito mais. Nesse sentido, você vai encontrar no pilates algo muito bacana que, sem dúvidas, vai te ajudar na sua vida como um todo.

Bem, que tal nós conhecermos um pouco sobre o pilates em si? Pode ser que você se interesse verdadeiramente sobre o assunto e passe a praticar! Nunca é tarde pra começar uma vida mais saudável!

O que é o pilates?

Desse modo, vamos nos adentrar um pouco mais no assunto para poder entender melhor como tudo funciona. Em primeiro lugar, nós devemos conhecer o pilates em si para depois falarmos sobre como ele usa o alongamento como exercício. Então, o seu surgimento é datado da primeira guerra mundial, nos anos de 1914, aproximadamente. Assim, eles usavam para ganhar força muscular.

Entretanto, com o passar dos tempos, o pilates começou a ser usado para diversas outras coisas. Nós vimos acima alguns exemplos que mais vemos por aí, que é a reabilitação de uma lesão, a melhora da flexibilidade e equilíbrio. De fato, ele possui alguns princípios orientais na formação desses exercícios. 

Como, por exemplo, a meditação, as artes marciais, o yoga e também a medicina da china foram influenciadores muito fortes para que existisse o pilates. Dessa maneira, ele consiste de exercícios sem equipamentos. Exercícios que te permitem alongar o seu corpo ao mesmo tempo em que você o fortalece. 

Então, existem muitos fundamentos que são aplicáveis de acordo com o tipo da pessoa. Existe pilates para crianças, para idosos, gestantes e adultos. Porém, há diversos outros tipos para todos os tipos de pessoas. E, como podemos notar, o tipo de pilates para idosos com certeza será muito diferente do tipo de pilates para crianças, por exemplo. Ela é muito flexível para todos os grupos.

Bem, nós iremos agora entrar num tópico mais denso e prático para que você possa começar agora mesmo os seus exercícios. Vamos conhecer bons exercícios que podem ser feitos em casa.

Exercícios simples e práticos

Em primeiro lugar, nós temos o “barril escada”, tradução de “ladder barrel”. Esse é o nome do equipamento normalmente usado em clínicas de pilates e etc. Ele funciona da seguinte maneira: existe uma escada vertical que fica nas suas costas e uma estrutura redonda que fica na sua frente.

Tem aproximadamente 90 a 100 cm de altura. Assim, exercícios como “Stretches front” podem ser feitos nesse equipamento. De fato, ele funciona assim: você deve colocar uma de suas pernas na plataforma que está em sua frente. Enquanto isso, mantendo a sua coluna reta, você estica os dois braços e leva as mãos até os seus pés, podendo passar deles. 

Assim, você alonga os seus músculos chamados de “isquiotibiais”, que se encontram na parte de trás das suas coxas. Em seguida, temos o “roll over barrel”, usado para fortalecer os seus músculos abdominais e mobilizar a sua coluna. Nesse sentido, ele funciona assim: você deita na plataforma que fica a frente e segura com as suas mãos o degrau mais alto da escada que estava atrás de você.

Desse modo, você flexiona o seu quadril para que suas pernas cheguem à sua mão. Basta retornar as pernas ao local de onde estava. Ótimo alongamento, não é mesmo?